Aborde a lacuna de gênero

This page is a translated version of the page Address the gender gap and the translation is 71% complete.

O tema

Mind the gap1.png

A lacuna de gênero da Wikipédia tem ganhado crescente notoriedade, por começar pela pesquisa de 2010, conduzida pela United Nations University, na qual descobriu-se que apenas 13% dos contribuidores da Wikipédia se identificavam como mulheres. Com o passar dos anos, estudos posteriores descobriram que algo entre 8% e 22,7% dos wikipedistas são mulheres.[1] As supostas causas para esta lacuna são muitas e estão em contínuo debate. Fatores contribuintes podem incluir: a tendência geral existente nos projetos relacionados às Ciências formais e aos Softwares livres e de código aberto, a disparidade no manejo do tempo de lazer entre os gêneros, bem como, a aversão feminina à cultura de conflito e anonimato online da Wikipédia. O que é evidente, todavia, é o fato de que alguns ramos do conhecimento permanecem pouco representados na Wikipédia. Nosso conteúdo tem lacunas consideráveis como, por exemplo, a falta de artigos sobre mulheres notáveis e, nos artigos que existem sobre isso, o viés de gênero permanece como uma problemática.

O fundamento dos projetos da Wikipédia é a criação (e curadoria) de "conteúdo livre que qualquer pessoas possa editar, usar, modificar e distribuir". A diversidade contribui diretamente com os valores de liberdade, acessibilidade, igualdade, independência, abertura, transparência e comunidade do movimento Wikimedia. Uma ampla gama de contribuidores e conteúdo é necessária para que nossa visão comum seja alcançada: a de que qualquer um pode contribuir com a soma de todo o conhecimento. Nos faltam vozes, informações e contextos importantes.


Por meio do trabalho de preenchimento da lacuna de gênero, nós conseguiremos refletir melhor a totalidade da diversidade do conhecimento humano e representá-lo de maneira mais justa. Cada pessoa, como parte da manada humana, deve ser representada no desenvolvimento da fonte compartilhada de conhecimento livre da humanidade.


Hipóteses

Wikipedia in Higher Education Summit portrait 2, 2011-07-09.jpg

Estudos têm sido incisivos em apontar a existência da lacuna de gênero e seus problemas, entretanto, pesquisas sobre suas causas seguem inconclusivas. Além disso, grande parte das investigações focaram na ausência de mulheres nos projetos da Wikimedia e não abordaram as experiência de Wikimedistas que se situam fora do binarismo de gênero. Algumas propostas e ações têm sido levadas às cabo assumindo que a mudança de um ou outro fator ajudaria o solucionamento da lacuna (por exemplo, quanto mais conteúdo "sobre" mulheres na Wikipédia", mais aumentaria o número de mulheres "na" Wikipédia). Reiterando (mas não copiando) os pensamentos da notável Wikipedista Adrianne Wadewitz,[2] aqui temos a intenção de focar não nas causas da lacuna, mas, em vez disso, em algumas premissas generalizadas sobre a lacuna de gênero, a fim lançar luz à complexidade desta questão.

1ª premissa: é a responsabilidade das mulheres em resolver o sexismo da Wikipédia

Sexismo não é um problema que afeta apenas mulheres e não está a cargo apenas das mulheres resolvê-la. É um problema que afeta a comunidade como um todo. Aliados tem um papel importante no solucionamento da lacuna de gênero.

2ª premissa: mulheres vão editar tópicos invisibilizados

Assumir que as mulheres editarão tópicos invisibilizados reforça os esteriótipos de gênero. A tarefa de expandir estes tópicos tem que ser abordada por meio do alcance das múltiplas comunidades que podem editar estes tópicos - grupos estes formados tanto por homens, quanto por mulheres.

3ª premissa: mulheres vão fazer da Wikipédia um lugar melhor

Esta premissa é também baseada em estereótipos de gênero: a ideia de que mulheres são pacíficas, inofensivas e forças civilizadoras. Para que a comunidade seja mais civilizada, deve-se esperar comportamento civilizado de todos os membros da comunidade, independente de gênero.

4ª premissa: mulheres e homens são intercambiáveis

Ao mesmo tempo em que não devemos nunca rotular pessoas de acordo com determinados papeis ou forçá-los a tomar perspectivas associadas aos estereótipos de seu genêro, devemos também reconhecer que homens trazem uma perspectiva ímpar enquanto homens, e mulheres outra enquanto mulheres - ambas são essenciais para uma enciclopédia verdadeiramente grandiosa. Até que mais mulheres passem a contribuir, a enciclopédia vai continuar falhando em alcançar a totalidade de seu potencial.

Participants of Gender Gap Strategic Day.jpeg

Since there is no single cause to the gender gap, there is likely no single solution either. As Adrianne Wadewitz phrased it: “When one group is mistreated, systematically denied a voice or rights, that reflects poorly on the entire community and lessens the legitimacy of that community.”[2] The gender gap is a problem of Wikimedia communities at large, so collective action is called for. We still need more initiatives focused on partnerships, research, community organizing, and socio-cultural and technical interventions.
Find an existing initiative or add your own

Are you from the press or media?

Are you writing a story about the gender gap or gender issues on Wikipedia and sister projects? Contact press@wikimedia.org to connect with community members who are subject matter specialists.

References

  1. Hill, B. M., Shaw, A. (2013). The Wikipedia Gender Gap Revisited: Characterizing Survey Response Bias with Propensity Score Estimation. PloS one, 8(6), e65782. html
  2. a b "Wikipedia's gender gap and the complicated reality of systemic gender bias", HASTAC, 26 de julho de 2013.