WQ/2/Vala/Pt

< WQ‎ | 2‎ | Vala

Uma tese sobre a Wikipédia foi escrita por Vala, um wikipedista italiano. A tese pode ser encontrada no Wikisource, em italiano, ou na sua versão traduzida para o inglês aqui.

O trabalho da tese concentra-se na questão, freqüentemente discutida, da "produção coletiva" de conhecimento, que por mais de 40 anos vem tomando forma na mídia contemporária, caracterizada pela centralização dos computadores como um ferramente de "compartilhamento de conhecimento" e como um "instrumento relacional".

Em particular, a tese discute a produção coletiva de conhecimento em sua dimensão online, e especificamente, dentro do projeto da Wikipédia, como um trabalho emblemático no tratamento deste argumento.

Além de pesquisa empírica profunda dentro da comunidade da Wikipédia ("etnografia virtual" combinada com "observação participativa" em reuniões e entrevistas offline combinadas com as entrevistas diretamente na rede), nós traçamos uma rota complexa dos primeiros passos da fase de construção social do PC, a análise crítica do modelo de produção e aproveitamento social, que chega perto daquele observado dentro da Wikipédia: assim diga, fonte aberta, analisando em particular os pensamentos dos dois principais pensadores da teoria: Richard Stallman e Eric Raymond.

Então nós olhamos as intervenções que melhor parecem contribuir para clarificar a estrutura socio-estrutural mantendo a produção cooperativa de conhecimento na rede: isto é, com a teoria estrutural de redes e sistemas emergentes, como formalizada por Albert Làszlò Barabàsi, e com as teorias de complexidade e sistemas emergentes, pelo menos como revelado no campo de ciências humanas.

Começando deste quadro teórico, nós chegamos a um resultado original na esfera de pesquisa, reconhecendo na edição italiana da Wikipédia um modelo híbrido, em um lado lembrando as dinâmicas de sistemas emergentes e complexos, e no outro apresentando mais aspectos tipicamente comunitários, como vem sendo descritos na vasta literatura de comunidade virtuais.